Posted by on mar 10, 2013 | 0 comments

 
 
Uma Ferramenta chamada iPad
 
Apresentado ao mundo pela primeira vez por nada mais nada menos que Steve Jobs no Yerba Buena Center for the Arts no ano de 2010, o iPad reinventou o conceito de tablets, o que antes era apenas um dispositivo operado a toque de uma caneta especial com recursos extremamente limitados, hoje se tornou uma febre mundial com ferramentas incríveis e praticamente ilimitadas que futuramente dominou completamente o mercado sendo o seu uso mais comum que a utilização dos  notebooks. No ano passado, foram vendidos mais tablets que notebooks nos Estados Unidos e na China, A tendência é que em 2013 aconteça o mesmo em muitos outros países segundo pesquisas do grupo fornecedor de informações de mercado e serviços de consultoria NPD.
 
A popularização deste dispositivo inteligente começou a se dar com o lançamento do iPad pela Apple, sendo assim a empresa obteve um enorme sucesso com o seu aparelho que hoje  é usado em diversas escolas nos EUA como material escolar – No Brasil em algumas escolas.
 
Mas…
O Professor e a Tecnologia

O Professor e a Tecnologia

“Como implementar essa ‘’nova’’ tecnologia na sala de aula?”
“As escolas devem apenas ter essa  ferramenta  para o uso do professor, do aluno ou de ambos?”
“Quais aplicativos são ideais para atender as necessidades das Escolas?”
Uma das estratégias adotadas  por diversas escolas americanas para aliviar esses sentimentos de dúvidas e hesitações  foi levar os iPads para as mãos dos professores e incentivá-los  a “brincar” com eles. Isso permitiu tornar esses professores mais familiarizados  com os dispositivos já que inicialmente (em alguns casos), era um desafio implementar os iPads nas escolas, pois  a maioria dos professores já estavam no processo de integração dos netbooks em seu plano pedagógico, além de que os iPads poderiam ser uma tecnologia “nova” para o professor em que ele tem pouco ou nenhum domínio sobre ela, por isso a idéia de usar um tablet não seria uma prioridade.
 
Efeito do iPad na aprendizagem

O uso de aplicativos, como Book Creator, Toontastic, e o Google Translate , expandiu potenciais resultando na aprendizagem em programas de alfabetização. Os estudantes das escolas que adotaram o iPad estavam agora  criando  textos diversos, mídia interativa e lendo livros digitais. O envolvimento dos alunos aumentou, especialmente para aqueles que achavam difícil manter o interesse em certas disciplinas. Os alunos tornam-se  líderes natos quando utilizam  essa tecnologia. Professores viram em primeira mão, como era fácil para os alunos  criar, colaborar e se comunicar com o iPad.

O uso de iPads estava tendo um impacto tremendamente positivo sobre os planos de aula e, mais importante, com relação aos resultados de seus alunos. Não podemos negar que os problemas e questões com as novas tecnologias voltadas para educação sempre vão existir, mas, desde que os professores tenha um objetivos claro de ensino em mente, o seu programa vai crescer de forma positiva.

Queremos agora obter cases de sucesso aqui no Brasil sobre a inserção de tecnologia na sala de aula!

Confira 3 Dicas para Implementaçao do iPad em sala de Aula:

1 –  A escola precisará de uma conexão wireless;
2 – Comprar aplicativos em massa para contar com desconto nos preços;
3 – Planejar uma estratégia para começar a introduzir essa tecnologia aos
professores. – Para esta dica é interessante contar com especialistas nesta questao, indicamos nossos parceiros que fazem um trabalho com muita excelencia entre em contato atrevés do site clicando no link iPad na Sala de Aula.

O texto foi baseado neste artigo.